Voltar para a 1ª página
Lazer na terceira idade diminui risco de doenças graves

 

O lazer na terceira idade é prática fundamental para melhor qualidade de vida dos idosos, afirma profissionais da saúde. Segundo dados do Ministério da Saúde, a inserção de pessoas idosas em atividades de lazer pode principalmente prevenir doenças agraves e melhorar a autoestima da pessoa.

De acordo com os dados do Ministério, quando uma pessoa sorri e fica feliz, o organismo libera endorfina, que é hormônio responsável pela sensação de felicidade, prazer e bem-estar. Essa substância também é capaz de ativar o sistema imunológico; combater o estresse, a ansiedade e a depressão; relaxar o organismo; aliviar dores; potencializar a memória; regular o sono e reduzir o desenvolvimento de rugas e doenças cardíacas.

Em Ponta Grossa, aproximadamente 700 idosos participam das atividades de lazer e físicas que são proporcionadas pelo Departamento do Idoso. De acordo com a professora de educação física do departamento, Sirlei dos Santos, a integração dos idosos melhora principalmente a saúde mental e física deles. 'Nós percebemos uma grande melhora em vários aspectos. Eles se movimentam e começam a sentir menos dores no corpo. As atividades de integração contribuem o convívio entre e proporciona várias amizades. Todo o cronograma é pensando de forma que eles se sintam feliz mentalmente e fisicamente', explica.

Santos acredita que essas atividades possam diminuir drasticamente a chance dos idosos desenvolverem doenças graves. 'Eles trabalham a mente e o corpo. Damos apoio nesses dois sentidos. Baseado em dados de saúde e da minha experiência como professora, acredito que o risco de doenças diminui em 80%. Ou eles podem melhorar de sintomas que já sentem', esclarece.

Atendimento

Ponta Grossa conta hoje com uma rede de atendimento ao público da terceira idade. Ao total, são sete instituições de longa permanência na cidade, além de dois Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), que podem receber denúncias de violência contra o idoso, sejam através do Disque 100 ou por encaminhamento do Ministério Público.

O Departamento do Idoso oferece aulas de natação e hidroginástica, além de atividades como caminhada, alongamento e ritmo, bocha, sinuca e carteado.

Os Centro de Referência de Assistência Social (Cras) também oferecem diferentes atendimentos para a pessoa idosa, como os cadastros para o cartão transporte com gratuidade, para o Benefício Prestação Continuada (BPC) e também grupos de convivência. As Unidades Básicas de Saúde organizam grupos de caminhada e atividades físicas, supervisionadas pela equipe do Núcleo de Atenção a Saúde da Família (NASF). Além disso, também organizam grupos para diabéticos e hipertensos, com rodas de conversa e palestras.

Fonte: Diário dos Campos

Dedo de Prosa Produções
Rua Riachuelo, 1452 - Sala 205
Bairro Padre Eustáquio
30720-060 - Belo Horizonte/MG



Telefone: (31) 3413-7507
dedodeprosa.tv@uol.com.br
Youtube Oficial
facebook.com/programa.dedodeprosa
facebook.com/encontronacionaldedodeprosa